Saiu o edital do concurso PGM Campo Grande-MS com vagas de Procurador

pgm.png
A Procuradoria Geral do município de Campo Grande-MS divulgou o edital do concurso para procurador, com dez vagas imediatas.
A Prefeitura de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, divulgou mais um edital de concurso público. Dessa vez, as oportunidades são para a Procuradoria Geral do Município, que oferece chances no cargo de procurador municipal.

O edital foi publicado nesta quarta-feira, 20, no site do Cebraspe, o organizador da seleção. São oferecidas dez vagas imediatas para o cargo de procurador. Do total das vagas ofertadas, oito são para ampla concorrência, uma para candidatos com deficiência e uma para negros. Para concorrer, é necessário ser bacharel em Direito e ter inscrição na OAB.
A carreira de procurador do município de Campo Grande-MS proporciona remuneração inicial de R$10.020,58 para carga de trabalho de 40 horas semanais.

O prazo de inscrição do concurso PGM Campo Grande-MS para procurador será aberto às 10h desta quinta-feira, 21. Os interessados terão até as 18h do dia 11 de abril para preencher o formulário no site do Cebraspe, o organizador. Para confirmar a participação no concurso, os candidatos deverão quitar a taxa de R$200 por meio de boleto bancário, em qualquer agência, até o dia 26 de maio. No entanto, quem não puder arcar com o valor da taxa poderá solicitar a isenção do valor, nas condições de:

  • Desempregado;
  • Situação de carência econômica;
  • Doador de medula óssea;
  • Doador ou receptor de rim;
  • Doador de sangue.
As solicitações serão aceitas durante todo o período de inscrição. Quem não obter o deferimento poderá quitar o valor da taxa até a data do vencimento. Concurso terá três etapas de seleção Todos os candidatos do concurso PGM Campo Grande-MS serão avaliados por meio de até três etapas de seleção, sendo a primeira delas a prova objetiva. Esta terá caráter eliminatório e classificatório.

O exame objetivo está agendado para acontecer no dia 16 de junho, no turno da tarde, com quatro horas e meia de duração. Serão cobradas 150 questões, distribuídas por diversas disciplinas, tais como: 

  • Direito Administrativo;                    
  • Direito Processual do Trabalho;
  • Direito Ambiental;                                 
  • Direito Financeiro;
  • Direito Civil;                                           
  • Direito Previdenciário;
  • Direito Processual;                                  
  • Direito Tributário;
  • Civil Direito Constitucional;                   
  • Estatuto da OAB e Código de Ética;
  • Direito do Trabalho;                               
  • Língua Portuguesa.
A segunda etapa será composta por duas provas discursivas. Serão um parecer e duas questões no turno da manhã e um parecer e duas questões no turno da tarde, no dia 28 de julho.

A última etapa será composta por uma avaliação de títulos, com caráter apenas classificatório. O prazo de validade do concurso será de dois anos, contados a partir da homologação e podendo ser prorrogado por igual período.             




Fonte: Folha Dirigida